Posts com Tag ‘Mangá’

Rurouni Kenshin: Seisouhen
artigo por: Márcio Pacheco

 A segunda série de OVAs

Se por um acaso você parou aqui e não conhece muito bem o universo de Rurouni Kenshin, dê uma lida antes em nossa matéria sobre a primeira série de OVAs (tem também um resumo da série de TV), só clicar aqui.

Rurouni Kenshin: Seisouhen (Da Passagem do Tempo) é a segunda série de OVAs, dividida em duas partes. Nela iremos ver uma história 15 anos depois do término da série de TV, mostrando além de Kenshin, os personagens já consagrados como Kaoru, Sanosuke e Yahiko.

Temos também a participação de um personagem especial, o jovem Kenji Himura, filho de Kenshin e Kaoru (e um clone do Kenshin), um moleque revoltado com o desejo de aprender o estilo de seu pai, o Hiten Mitsurugi Ryu.

Além dele temos também a presença de Enishi Yukishiro, irmão mais novo de Tomoe que apareceu na primeira série de OVAs lançado, que volta após todos esses anos sedento por vingança.

Seisouhen causou muita polêmica e comoção quando foi lançado, pois ele representava o desfecho final das aventuras de Kenshin. Bom, pelo menos UM dos finais possíveis, já que muita gente considera Seisouhen como um final alternativo em relação àqueles do mangá ou ainda do anime da TV (que só passou no Japão, mas é bem “bonitinho”, com Kenshin desistindo de ser um andarilho e morando permanentemente no Dojo Kamiya. Em 2006 foi lançado o episódio 96 ou complemento do 95, que consiste em uma faixa de três minutos, onde aparece Kenshin no jardim do dojo refletindo e Kaoru cochilando na varanda, depois vem uma segunda cena que se passa alguns anos depois, onde aparece Kenji (filho de Kenshin e Kaoru) brincando no jardim enquanto Kenshin e Kaoru (com a aparência mais madura) o observam sorrindo. Sendo essa faixa a última cena do anime e fim definitivo da história).

(mais…)

*matéria publicada em 2006 no lançamento do mangá no Brasil

 

Uma grande série de mangá finalmente está sendo lançada no Brasil e que merece destaque: “Karekano – as razões dele, os motivos dela”. Lançado pela Panini Comics, trata-se de um shojo-mangá (para meninas) da até então desconhecida Masami Tsuda. Eu já li o mangá em inglês e assisti ao anime, e os dois são bem parecidos.

O nome original, Kareshi Kanojo no Jijou (Karekano é apelido) que numa tradução literal significa “coisas de garotos e garotas” (esse título em português ficaria melhor que o escolhido) já dá uma dica do que podemos esperar pela frente.

O mangá de Karekano começou a ser publicado em 1996 e o último capítulo saiu em 2005. A série teve ao todo, 21 volumes encadernados, que a Panini pretende lançar aqui em seu formato original. Apesar de ser um shojo (nossa, que preconceito) ele vai agradar a qualquer leitor de qualquer idade, então se você for um marmanjo barbado e te pegarem lendo um mangá “para meninas”, não liga não. Com certeza tem vários outros “barbados” por aí fazendo a mesma coisa. (mais…)

Rurouni Kenshin: Tsuiokuhen

kensword2.jpg

… Há cento e quarenta anos atrás, quando Kyoto estava no centro do turbilhão caótico chamado Bakumatsu no Douran, criado com a chegada dos navios negros de Matthew Perry, havia um paladino da Restauração, um guerreiro, chamado Hitokiri Battousai. Battousai era o espadachim mais poderoso, e retalhava as pessoas promovendo verdadeiras carnificinas e limpando o caminho para uma nova era, a Era Meiji. Mas, logo depois do tumulto, ele sumiu repentinamente… Enquanto seu desaparecimento continua um mistério, o nome Hitokiri Battousai se tornou uma lenda. E essas crônicas se iniciam no ano 10 da Era Meiji (1878) em Shitamachi, Tokyo…

(tirado do primeiro episódio de Rurouni Kenshin)

(mais…)

El Hazard – um anime/mangá que vai garantir muitas risadas

Publicado: 24/09/2011 por Márcio Alexsandro Pacheco em Anime/Mangá
Tags:, ,

 Grande sucesso na TV brasileira alguns anos atrás no saudoso Band Kids (ah, que saudade da Kira… não lembra dela? clique aqui, aqui ou aqui), o anime El Hazard também teve o seu mangá publicado no Brasil pela editora JBC, numa minissérie em seis edições.

Diferente da maioria dos mangás, que são lançados antes das suas versões animes, El Hazard teve sua estreia nas telinhas mesmo, inicialmente em OVAs de sete episódios e depois ganhando uma versão de 26 episódios para a TV, em 1995 no Japão.

(mais…)